Com estreias na Record e no SBT, horário nobre vira filão de seriados

by

A TV aberta, de olho na audiência acima dos dez pontos, abriu espaço para os seriados norte-americanos.

O SBT consegue bons resultados desde setembro, quando colocou diariamente, no horário nobre, “Harper’s Island – O Mistério da Ilha”. Mas foi muito mais bem sucedido quando estreou a série de demônios “Sobrenatural” –talvez alavancado pelo fenômeno de “Crepúsculo” e “True Blood”.

Nesta segunda, vai sentir a concorrência. Primeiro porque estreia um novo seriado. “Gossip Girl – A Garota do Blog” tem um perfil adolescente, diferente da faixa entre os 18 e os 34 anos que assiste a saga dos irmãos Winchester.

O outro motivo é que a Record vai no embalo da estratégia da emissora de Silvio Santos e passa a reprisar, também diariamente, no horário das 22h, a  série “CSI Las Vegas”.

Gary Dourdan, Jorja Fox, William Petersen, Marg Helgenberger, George Eads e Paul Guilfoyle na primeira temporada de "CSI"

Gary Dourdan, Jorja Fox, William Petersen, Marg Helgenberger, George Eads e Paul Guilfoyle em “CSI” (1ª temp.)

Como aconteceu no SBT com “Sobrenatural”, o seriado investigativo volta a partir de sua primeira temporada.

Atualmente no décimo ano, com vários protagonistas substituídos, tem um sabor agridoce (re)ver o chefe Grissom (William Petersen) magro e com sua surdez progressiva.

O canal também manterá a faixa da meia-noite para seus outros seriados –“CSI: NY”, “CSI: Miami”, “Mulher Biônica”, “House” e “Monk”.

Mafran Dutra, presidente do comitê artístico da Record, diz que “CSI” é “uma das séries mais assistidas no mundo”. “Com o final de ‘A Fazenda’, no dia 7, decidimos ocupar esse horário com séries. Estamos nos antecipando em duas semanas para o público se acostumar com o horário antes do término do reality show.”

Ele conta que houve uma pesquisa de mercado para embasar essa escolha. Se “CSI” se mantiver sendo apresentada todos os dias, levaria sete meses para chegar aos episódios inéditos na TV aberta. Tempo demais para ter um enlatado ocupando a faixa normalmente reservada a novelas e produções nacionais no ar? Talvez. Dutra diz que “não está definida a quantidade de episódios que vamos exibir”. Resta saber se os fãs não serão frustrados se interromperem os episódios.

Na Globo, a faixa das séries ainda se mantém na madrugada, com resultados ligeiramente positivos. A quinta temporada de “Lost” tem ficado com oito pontos de média até o último dia 20 –e a emissora confirma que vai comprar a última temporada para 2011. No próximo dia 1º, é a vez de ir ao ar a sétima temporada de “24 Horas”.

A Band também vai exibir seriados no horário nobre, mas não definiu qual programa vai estrear primeiro nem as datas.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: